O radialista Robson Aldir, de 53 anos, morre vítima de um infarto fulminante, na Zona Norte do Rio. Ele estava na casa de amigos, em Irajá, quando passou mal e precisou ser levado para uma UPA da região. Robson Aldir deixa esposa e duas filhas.

Robson Aldir trabalhou durante 24 anos na Rádio Globo, onde apresentou o “Botequim da Globo” e “Samba Amigo”. Ele também foi um dos principais repórteres do “Amarelinho”, também da Globo. Seu último trabalho foi na Rádio Roquette Pinto, em março deste ano.

Fonte: O Dia